Log in

 

 

As novas tecnologias e o cuidar à distância

  • blogue
  • Visualizações: 983

 

A sociedade dos países mais desenvolvidos está a passar por rápidas e profundas alterações devido à entrada das mulheres no mercado de trabalho, diminuição do número de pessoas na família nuclear (poucos filhos), emigração, e desertificação das zonas mais rurais.

 

Estas mudança também têm consequências a nível do cuidado informal.

 

As transformações demográficas e as políticas públicas de apoio ao envelhecimento na comunidade (conceito “ageing in place”) abrem espaço ao papel de cuidador informal à distância. As novas tecnologias emergentes são ferramentas úteis nesta realidade em transformação e um exemplo de inovação é uma peça simples com o nome Evermind.

 

Este produto tecnológico permite que cuidadores que residem longe de familiares  - que precisem de algum apoio - verifiquem discretamente o decorrer das rotinas diárias.

 

O Evermind é uma pequena caixa que se liga a uma tomada elétrica de parede e monitoriza a utilização de aparelhos eletrodomésticos. Este equipamento avisa se equipamentos utilizados diariamente (microondas, cafeteiras, televisões, lâmpadas, ferros elétricos, portas de garagem com abertura elétrica, etc.) foram ligados ou desligados.

 

A família “cuidadora à distância” recebe mensagens no telemóvel ou notificações por e-mail sempre que um aparelho é ou não utilizado num determinado período de tempo, o que permite detetar mudanças na rotina diária que possam provocar preocupação.

 

Hábitos como fazer café de manhã ou desligar uma lâmpada de cabeceira à noite podem ser monitorizados à distância, e se por exemplo uma avó não ligar a televisão à noite, o neto vai ser notificado por mensagem ou e-mail e irá averiguar se está tudo bem.   

 

Uma das situações que precisa de ser monitorizada em pessoas idosas que vivem sós é a possibilidade de queda. Uma queda pode ocorrer por diversos motivos (hipotensão postural, AVC, tropeção num obstáculo, iatrogenia, …) e perante esta situação é vital que ocorra uma intervenção atempada.

 

Esta solução tecnológica permite ajudar as pessoas idosas com espírito independente a permanecer nas suas casas e dar tranquilidade aos familiares.


 

Vídeo sobre este aparelho aqui: http://www.youtube.com/watch?v=XojDAXBnWpw&w=560&h=315]

 


Artigo “TEMA: QUEDAS” aqui neste link https://www.cuidador.pt/blogue/251-tema-quedas

 

Artigo “ESTRATÉGIA PARA ACOMPANHAR UM FAMILIAR IDOSO QUE MORA LONGE” aqui neste link https://www.cuidador.pt/blogue/28-estrategia-para-acompanhar-um-familiar-idoso-que-mora-longe

 

 

Log in or Sign up